Cuidados na produção de pães sem Glúten

Vamos falar de negócios?!
16/07/2016
Fermento Biológico Seco Fermais
Como aumentar as vendas de uma padaria?
26/08/2016

Cuidados na produção de pães sem Glúten

FERMENTO BIOLÓGICO SECO FERMAIS

Há algum tempo as dietas sem glúten viraram a nova tendência do mercado.

Em busca da nutrição funcional, milhares de pessoas aboliram o glúten do cardápio e este mercado tem crescido cada vez mais.

Anteriormente apenas uma parcela da população afetada pela doença celíaca procurava produtos sem glúten, mas embora o Conselho Nacional de Saúde (CNS) estimasse que dois milhões de pessoas no Brasil fossem afetados por essa doença, encontrar bons produtos sem glúten, sempre foi uma tarefa muito desgastante.

Dificilmente se encontrava produtos para uma dieta livre de glúten, mas com o atual crescimento desse segmento no mercado, novas oportunidades de negócios foram encontradas.

E você já pensou em aproveitar essa oportunidade e expandir os seus negócios?

ENTENDENDO O PROCESSO

 

FERMENTO BIOLÓGICO SECO FERMAIS

A produção de produtos sem glúten tem várias regras e normas que exigem muitos cuidados específicos.

 Saber manipular produtos sem glúten é tão importante quanto escolher um produto de qualidade.

Se você possui um estabelecimento que produz produtos com e sem glúten, o cuidado deve ser redobrado.

Como você sabe o glúten é uma proteína que está presente em cereais como trigo, aveia, centeio, cevada e seus derivados, podendo ser encontrados em bolos, pães, torradas, pizza, biscoitos, entre outros. Ele é o responsável pela elasticidade, volume e pela textura dos produtos.

Porém temos uma grande parcela da população que possui intolerância ao glúten, os chamados celíacos.

Os celíacos possuem hipersensibilidade ao contato com o glúten, portanto é de extrema necessidade a eliminação total dessa substância na produção sem glúten.

Você pode conhecer mais sobre a doença nesses sites:

www.fenacelbra.com.br

www.riosemgluten.com

www.celiacos.org.pt;

Como  a produção sem glúten não atende somente pessoas que fazem dieta, é uma questão de saúde, existem muitas normas e padrões envolvidos, para garantir que o produto realmente não tenha glúten.

O CODEX ALIMENTARIUS, coletânea de padrões reconhecidos internacionalmente, códigos de conduta, orientações e outras recomendações relativas a alimentos, produção de alimentos e segurança alimentar, determinou que a partir de 2008 todos os produtos com menos de 20 ppm (partes por milhão) de glúten podem ser considerados aptos para a maioria dos celíacos e receber a inscrição “Não contém glúten”.

Já em 2015 a ANVISA publicou uma nova resolução das Rotulagens, a RDC 26/2015, que dispões sobre os requisitos para rotulagem obrigatória dos principais alimentos que causam alergias alimentares e por ela um produto com a inscrição “não contém glúten”, não deve conter nenhum traço dessa proteína.

Por esse motivo existem tantas normas e cuidados na produção, pois o glúten pode ser espalhado pelo ar e qualquer resíduo pode afetar a produção toda, resultando em contaminação cruzada.

Você sabe como ela acontece?

CONTAMINAÇÃO CRUZADA NA PRODUÇÃO

FERMENTO BIOLÓGICO SECO FERMAIS

A contaminação cruzada é uma transferência de microrganismos contaminados de um alimento para outro, não contaminado.

A contaminação cruzada ocorre em diversos setores, como na colheita, no armazenamento, na industrialização, no transporte ou na manipulação dos alimentos.

Por isso, as indústrias de alimentos, em principal, às padarias devem ter muito cuidado no manuseio dos produtos.

Você precisa ter ambiente exclusivo para a produção de sem glútens para evitar todo e qualquer risco do inicio ao fim do manuseio dos materiais e insumos da produção.

Pois, como já falamos, o glúten se espalha pelo ar no ambiente e cada partícula interfere ativamente na produção sem glúten.

Mas caso a produção ocorra dentro da mesma empresa, você precisa tomar cuidados especiais.

CUIDADOS PARA UMA PRODUÇÃO SEM GLÚTEN

FERMENTO BIOLÓGICO SECO FERMAIS

Como falamos o ideal é ter ambientes separados, mas se isso nçao

  • Tenha ambientes distintos para produção dos produtos sem glúten e para os com glúten;
  • Não compartilhe entre as alas, materiais como medidores, utensílios, tigelas, panelas etc;
  • Na hora de produzir sem glúten, certifique-se que as roupas e mãos estejam limpas e sem resíduos, para evitar a contaminação cruzada. O mais indicado é ter roupas especificas para cada produção.
  • Limpe toda a poeira dos equipamentos e utensílios que foram expostos ao ar, antes de iniciar a produção, inclusive maçanetas e portas.
  • O sistema de limpeza “wet cleaning”(molhado) é o mais recomendado para remover o glúten do ambiente, equipamentos e utensílios.
  • O uso de água e sabão na limpeza são os ideais para eliminar o risco de contaminação cruzada, pois álcool e pano não resolvem.
  • O armazenamento dos ingredientes com e sem glúten, devem estar em locais separados, em recipientes fechados e devidamente rotulados.
  • O processo de embalagem também deve acontecer em local distinto;
  • Os fornos devem ser separados para cada tipo de produção, pois o forno pode estar impregnado de resíduos do glúten.

Além desses procedimento e cuidados, é importante orientar todos os funcionários da empresa sobre a doença celíaca e sobre as formas de contaminação cruzada que podem ocorrer, para que não tenham problemas com a produção e tenham consciência dos riscos envolvidos para a saúde de quem é alérgico.

Acompanhando essa tendência de mercado e preocupados em sempre oferecer o melhor para nossos clientes, realizamos testes em laboratórios que certificaram que o fermento biológico seco FERMAIS é complemente sem traços de Glúten, leite e lactose.

Além disso o alto poder fermentativo que apresenta torna o fermento FERMAIS ideal para a produção sem glúten.

Se você quiser experimentar, preencha o formulário abaixo e peça já o seu orçamento. Temos embalagens de 10g, 125g, 500g e uma super econômica de 5kg!

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Não deixe de ler também, sobre as Vantagens de usar o Fermento Biológico Seco.

E já sabe, se tiver algum assunto sobre produção de pães e massas que você gostaria de saber mais, escreva pra gente ou um comentário abaixo.

Você também pode acessar nosso site e ler outros conteúdos interessantes que preparamos para você, basta clicar aqui www.fermais.com.br.

Um abraço e até mais!




Comente com o facebook

Os comentários estão encerrados.